RESULTADO DE BUSCA
PROJETOS DE LETRAMENTO: A ALFABETIZAÇÃO COMO PRÁTICA DISCURSIVA
Autor Principal: Andreia Aparecida Suli da Costa
Resumo: Apoiados nos trabalhos de Soares (2004,2016), Smolka (2012), Freire (1967,1989), dentre outros, consideramos o período de alfabetização como etapa privilegiada para construções de sentidos do mundo e da relação que a linguagem estabelece com este mundo. Assim, partindo do pressuposto de que a escola deve propiciar práticas reais e efetivas de linguagem, que dialoguem com as necessidades dos envolvidos no processo de ensino e de aprendizagem, o presente trabalho apresenta uma breve reflexão dos estudos que orientam esta práxis no contexto escolar, fruto da pesquisa narrativa, de base qualitativa, que estamos desenvolvendo com uma turma de segundo ano do Ensino Fundamental I, na rede municipal de Cerqueira César, como parte dos estudos junto ao Programa PROFLETRAS (Mestrado Profissional em Letras/CAPES). Nossa proposta de intervenção está ancorada nas premissas dos projetos de letramento (KLEIMAN, 2000), que, por suas características, possibilita um trabalho com os gêneros discursivos (BAKHTIN, 1997; 2010) de maneira autêntica. Nossa hipótese, portanto, é a de que um trabalho com projetos de letramento, que também considere as especificidades da aprendizagem inicial da língua escrita em contextos reais, a partir de vivências significativas de uso da língua, pode contribuir na melhoria do processo de alfabetização. ,
Palavras-chave: Alfabetização. Projetos de letramento. Gêneros discursivos.
Modalidade: Pesquisa em Andamento Eixo: Eixo 2 - Políticas e Práticas no Ensino Fundamental

Estatísticas:
7
acessos
5
downloads
0
citações

Ações:
Download

BibTex

Compartilhar



FALE CONOSCO