RESULTADO DE BUSCA
A LUDICIDADE COMO EIXO ESTRUTURADOR DAS CULTURAS DA INFÂNCIA: UMA PROPOSTA DE INVESTIGAçãO-AçãO
Autor Principal: Moisés Moreno Acácio Fornazier Magalhães
Resumo: O interesse em pesquisar o tema surgiu da constatação de que os educadores pouco conhecem sobre as culturas infantis. O objeto de pesquisa é o Manual de Brinquedos e Brincadeiras, material orientador para seleção, organização, uso e construção de brinquedos e materiais lúdicos com as crianças. A base teórica predominante da pesquisa é a Sociologia da Infância, que considera a criança como protagonista social, ser de direitos, produtor de cultura, com características relevantes nas culturas da infância: interactividade, ludicidade, fantasia do real e reiteração. A metodologia é de natureza qualitativa, caracterizando-se como investigação-ação. A pesquisa adota como objetivo compreender como os brinquedos, produzidos em parceria com as crianças, podem configurar-se como elementos fomentadores e ampliadores do eixo das culturas da infância. A pesquisa é realizada em uma escola do Município do Oeste Paulista. As intervenções ocorrem uma vez por semana, durante 40 minutos, em cada uma das quatro turmas de pré-escola. Nas intervenções, o pesquisador utiliza brinquedos como suporte inicial para as crianças acessarem o simbólico. Nesse processo, as professoras e crianças brincam juntas. Através da produção de conhecimentos de rigor científico, buscamos como resultados, colaborar em mudanças qualitativas nas práticas educativas das professoras, oferecendo possibilidades para que a ludicidade possa ser tratada com seriedade, encaminhando assim novos olhares de se pensar a criança.
Palavras-chave: EDUCAÇÃO. CULTURAS INFANTIS. LUDICIDADE
Modalidade: Pesquisa em Andamento Eixo: Eixo 1 - Políticas e Práticas na Educação Infantil

Estatísticas:
13
acessos
8
downloads
0
citações

Ações:
Download

BibTex

Compartilhar



FALE CONOSCO