RESULTADO DE BUSCA
RELAçãO ENTRE ORTOGRAFIA E NOMEAçãO AUTOMáTICA RáPIDA EM ESCOLARES COM DIFICULDADES DE APRENDIZAGEM
Autor Principal: Thaís Contiero Chiaramonte        Co-autores: Simone Aparecida Capellini
Resumo: Estudos internacionais descrevem que a nomeação automática rápida está mais relacionada à fluência de leitura, enquanto o processamento fonológico está relacionado à leitura e aos desempenhos de escrita. Contudo, é de consenso dos pesquisadores que a Nomeação Automática Rápida é um melhor preditor para a identificação das dificuldades de leitura em ortografias transparentes e opacas. Desta forma, este estudo teve por objetivo comparar e relacionar o desempenho em provas ortográficas e a nomeação automática rápida em escolares com dificuldades de aprendizagem. Participaram deste estudo 25 escolares com diagnóstico de Dificuldade de Aprendizagem, de 8 anos a 11 anos e 11 meses de idade, do Ensino Fundamental I, de ambos os sexos. Os participantes deste estudo foram submetidos às provas do Protocolo de Avaliação da Ortografia - Pró-Ortografia e às pranchas que compõem o Teste de Nomeação Automática Rápida - RAN. Os dados obtidos neste estudo foram analisados por meio da Análise de Correlação de Spearman, onde foi possível observar relação moderada negativa entre a prova de Ditado de Palavras com as provas de cores, letras, dígitos e objetos; entre a prova de Ditado de Frases com as provas de cores e objetos; e entre a prova de Memória Lexical Ortográfica com as provas de cores, dígitos, letras e objetos.,
Palavras-chave: Aprendizagem. Escrita Manual. Dificuldades de Aprendizagem
Modalidade: Pesquisa em Andamento Eixo: Eixo 8 - Educação, Desenvolvimento e Aprendizagem

Estatísticas:
8
acessos
7
downloads
0
citações

Ações:
Download

BibTex

Compartilhar



FALE CONOSCO