RESULTADO DE BUSCA
A CARREIRA DO MAGISTéRIO NO MUNICíPIO DE SANTOS (SP): A HIERARQUIZAçãO DAS CATEGORIAS DOCENTES
Autor Principal: Fernando de Jesus
Resumo: O texto a seguir é um recorte da dissertação de mestrado apresentada no Programa de Pós-Graduação em educação da escola de filosofia, Letras e ciências Humanas da Universidade Federal de São Paulo. O objetivo é apresentar como a organização da carreira do magistério municipal de Santos repercute no trabalho docente e, consequentemente, na valorização profissional. A hipótese que guia este trabalho é a existência de uma forte hierarquização entre as duas categorias docentes, Professor Adjunto (PAD) e Professor de Educação Básica (PEB), causada pelo modo como a carreira está organizada, o que interfere no trabalho dos docentes, e na valorização do trabalho desenvolvido por estes profissionais. Para a realização da pesquisa foram adotados como procedimentos de coleta de dados a análise documental (Estatuto e Plano de Carreira docente, além de outros documentos normativos produzidos pela administração municipal), bem como entrevistas semiestruturadas com os docentes e especialistas de educação (diretores de escola, assistentes de direção, coordenadores pedagógicos, orientadores educacionais e supervisores escolares). Como fundamentação, a pesquisa adotou como referencial teórico as contribuições do sociólogo francês Pierre Bourdieu. A investigação nos permitiu concluir que existe, de fato, a construção de uma cultura que estabelece diferentes graus de importância entre os profissionais do magistério santista, mesmo quando realizam atividades idênticas, resultando em significativo processo de hierarquização e distinção. ,
Palavras-chave: Rede Municipal de Ensino, Carreira docente e Valorização profissional.
Modalidade: Comunicação Científica Eixo: Eixo 11 - Profissão Docente e compromisso sociopolítico

Estatísticas:
18
acessos
10
downloads
0
citações

Ações:
Download

BibTex

Compartilhar



FALE CONOSCO