RESULTADO DE BUSCA
ADEUS, MEUS AMIGOS: A REALIDADE DO ALUNO NA REINTERPRETAÇÃO DE UM CONTO
Autor Principal: Giselli Liliani Martins        Co-autores: Adrieli Teixeira, Fabiana Leite de Souza, José de Souza Neto, Samara Schneider
Resumo: Este artigo resulta da experiência de uma sequência de duas aulas de Língua Portuguesa, ministradas em outubro de 2018, no estágio de regência realizado na Escola Estadual Professora Edeli Mantovani, localizada em Sinop/MT, para o 1° ano do ensino médio, composta por 24 alunos com idades entre 13 e 17 anos. Nessa experiência trabalhou-se a leitura, intepretação e produção textuais, a partir do conto Adeus, meus amigos, do escritor carioca e radicado no Estado de Mato Grosso, Eduardo Mahon. O objetivo desse estudo é analisar 8 dos 24 textos produzidos pelos alunos durante a aula e que apresentaram traços em comum, como desesperança, desilusão, frustração e suicídio. Pretende-se compreender o que levou os alunos a expressarem seus dissabores por meio de seus textos e como são estabelecidas as relações entre o conto apresentado e a realidade. A base teórico-metodológica será a do materialismo histórico-dialético, com as contribuições de, Chauí, Harvey, Marx e Saviani, dentre outros relevantes. Entende-se que essa teoria é a que oferece as categorias necessárias para se compreender as relações existentes entre a reinterpretação do conto trabalhado, a realidade do aluno e a sociedade atual. As categorias utilizadas serão: trabalho, fetichismo e contradição. A relevância desse estudo se respalda na necessidade de se compreender as contradições existentes na sociedade de consumo e como isso se manifesta na sala de aula e influencia na formação escolar e humana do aluno.,
Palavras-chave: Produção textual. Realidade do aluno. Suicídio.
Modalidade: Comunicação Científica Eixo: Eixo 3 - Políticas e Práticas no Ensino Médio

Estatísticas:
15
acessos
10
downloads
0
citações

Ações:
Download

BibTex

Compartilhar



FALE CONOSCO