RESULTADO DE BUSCA
CONSTITUIÇÃO HISTÓRICA E POLÍTICA DA PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU NO BRASIL
Autor Principal: Nathália Delgado Bueno da Silva
Resumo: O presente estudo é de caráter bibliográfico e tem por objetivo refletir como a pós-graduação, nível scricto sensu, foi se delineando historicamente no cenário brasileiro. Considera-se que o contexto histórico, bem como, social e político são pressupostos para a definição de políticas instituídas educacionalmente, e sendo assim, tratando-se da pós-graduação este elemento é reafirmado quando observamos que no decorrer dos anos as regulamentações e diretrizes destinadas a este nível de ensino estiveram alinhadas ao contexto macro existente. Desta forma, nos diferentes Planos Nacionais de Pós-graduação, nota-se que as preocupações referem-se aos diferentes contextos, sendo possível identificar que no I Plano a preocupação baseava-se na necessidade de agrupamento e regulamentação dos programas de pós-graduação que estavam deslocados até então no país, já no II Plano, a ideia de qualidade começa a ser refletida, surgindo de forma inerente a avaliação da pós-graduação conhecida atualmente. Nos demais Planos as problematizações acerca das disparidades de programas e notas na regiões do país são evidentes, bem como a discussão acerca da qualidade dos programas, demonstrando a necessidade de reflexão para a além do quesito produção, que é fortemente instigado. ,
Palavras-chave: Pós-graduação scricto sensu. Plano Nacional de Pós-graduação (PNPG). Políticas para a educação superior.
Modalidade: Comunicação Científica Eixo: Eixo 5 - Políticas e Práticas no Ensino Superior

Estatísticas:
8
acessos
4
downloads
0
citações

Ações:
Download

BibTex

Compartilhar



FALE CONOSCO