RESULTADO DE BUSCA
FORMAÇÃO DE PROFESSORES DE MATEMÁTICA: UM ESTUDO HISTORIOGRÁFICO SOBRE NOMENCLATURAS DOS CURSOS NAS DÉCADAS DE 1960 E 1970
Autor Principal: Letícia Nogueira Gomes        Co-autores: Maria Edneia Martins-Salandim
Resumo: Neste artigo trazemos um recorte da pesquisa de mestrado O que nos conta a revista Documenta: sobre cursos que formavam professores de Matemática no Brasil (1962 a 1979) . Essa pesquisa, financiada pela CAPES, foi desenvolvida junto ao Programa de Pós-Graduação em Educação para a Ciência, da Faculdade de Ciências da Unesp/Bauru e integra um projeto de ampla envergadura Mapeamento da formação e atuação de professores de Matemática no Brasil , do Grupo de Pesquisa História Oral e Educação Matemática - Ghoem. Nosso objetivo, nesse artigo, é apresentar nossas compreensões sobre as Licenciaturas de 1º Ciclo ou Licenciaturas Curtas instituídas pelo Conselho Federal de Educação (CFE), no ano de 1964, devido à falta de professores, principalmente na área de Ciências. E sobre as Licenciaturas em Ciências de curta duração (mínimo de 1800 horas), criadas em 1974, resultante da Resolução n. 30/74, cujo objetivo era formar professores polivalentes em ensino de Ciências, para atuar no 1.º grau. A partir desse recorte, discutimos como temos tecido compreensões, de viés historiográfico, sobre como políticas de formação de professores de Matemática no Brasil têm sido efetivadas, particularmente no que tange à criação e reconhecimento de cursos de Graduação. Nossas análises apontaram a relevância de incluir, no âmbito das pesquisas que envolvem a história da formação de professores, os cursos que não foram criados, mas que também participam da composição desse cenário.,
Palavras-chave: história da educação matemática. revista documenta. licenciatura em matemática.
Modalidade: Comunicação Científica Eixo: Eixo 5 - Políticas e Práticas no Ensino Superior

Estatísticas:
9
acessos
6
downloads
0
citações

Ações:
Download

BibTex

Compartilhar



FALE CONOSCO