RESULTADO DE BUSCA
O PAPEL DA LÍNGUA DE SINAIS NA INCLUSÃO EDUCACIONAL: NARRATIVA DE UMA ESTUDANTE SURDA SOBRE O SEU PERCURSO ESCOLAR E ACADÊMICO NA FRANÇA
Autor Principal: Alessandra Ferreira Di Roma        Co-autores: Sandra Eli Sartoreto de Oliveira Martins
Resumo: O presente estudo problematiza a questão da inclusão do surdo e o papel da língua de sinais, da identidade e da cultura surda no meio educacional. Os estudos de Bakhtin/Volochínov (2014) sobre a teoria enunciativa da linguagem e a teoria social da construção do conhecimento desenvolvida por Vygotski (2007) nos ajudaram a compreender as problemáticas da pesquisa. Através do método qualitativo, com característica de um estudo de caso, buscamos compreender a inclusão a partir do discurso narrativo de uma estudante surda sobre o seu percurso escolar e acadêmico na França. A partir da análise dos dados destacamos duas categorias analíticas: Oralismo x Língua de sinais; Identidade surda x Identidade ouvinte. De modo geral, os dados revelam que as memórias escolares da estudante surda, apontam vários fatores problemáticos relacionados ao seu percurso na educação oralista. Em seu relato, emerge reiteradamente a dificuldade para se comunicar e a precariedade do ensino de conteúdos científicos em detrimento do treino exaustivo da oralidade. Ademais, percebemos que, o contato com a comunidade surda foi determinante para que estudante construísse a sua própria identidade.,
Palavras-chave: surdez. língua de sinais. inclusão
Modalidade: Comunicação Científica Eixo: Eixo 6 - Políticas e Práticas na Educação Especial

Estatísticas:
13
acessos
7
downloads
0
citações

Ações:
Download

BibTex

Compartilhar



FALE CONOSCO