RESULTADO DE BUSCA
ALUNOS COM NECESSIDADES EDUCATIVAS ESPECIAIS NO ENSINO SUPERIOR: UM LEVANTAMENTO ESTATÍSTICO
Autor Principal: Rafaela Masson        Co-autores: Sérgio Ricardo Muniz
Resumo: Dados do INEP mostram, no último Censo Escolar da Educação Básica, um contínuo e expressivo aumento no número de matrículas de alunos NEE no ensino básico, atingindo mais de 930 mil matrículas em 2015. Apesar disso, dados do IBGE no censo de 2010, mostram que apenas 6,2% dos indivíduos com deficiência concluem o ensino superior no Brasil. No entanto, em 2017, o INEP realizou um levantamento estatístico do ensino superior e de todas as matrículas realizadas, o número de alunos com NEE foi correspondente a 0,46% dos alunos matriculados. Até onde nossos estudos apontam, a USP apresenta em seu anuário estatístico somente os dados referentes a quantos alunos declararam NEE e necessitaram de acomodações no vestibular da FUVEST. Porém, de acordo com nossas pesquisas na USP campus São Carlos, a quantidade de ingressantes que alega possuir NEE é diferente. Para isso foi realizado uma pesquisa com todos os ingressantes de 2019, na qual estes, caso tivessem uma NEE, destacaram-na.,
Palavras-chave: ensino superior. ensino superior inclusivo. educação inclusiva.
Modalidade: Comunicação Científica Eixo: Eixo 5 - Políticas e Práticas no Ensino Superior

Estatísticas:
20
acessos
7
downloads
0
citações

Ações:
Download

BibTex

Compartilhar



FALE CONOSCO